Blog da Online Traders

Cuidado! Spoofing: prática ilegal na Bolsa de Valores

Inscreva-se em nossa Newsletter

Deixe seu email e tenha acesso antes aos nossos conteúdos.

Cuidado! Spoofing: prática ilegal na Bolsa de Valores

spoofing

Entenda o que é spoofing e saiba como se defender dessa prática ilegal que acontece na Bolsa de Valores todos os dias.

 

A Bolsa de Valores pode ser um ótimo lugar para desenvolver uma sólida carreira no mercado financeiro.

Entretanto, assim como em outros tipos de negócios, existem pessoas e empresas que tentam “burlar” as regras.

No post de hoje, vamos falar sobre uma prática ilegal na Bolsa de Valores, chamada de spoofing.

Grandes operadores do mercado usam essa prática para se beneficiarem.

 

O que é spoofing?

O spoofing (falsificação) é uma prática que ocorre em diversos meios. Normalmente, caracteriza-se pelo envio de comunicação ou informação disfarçada a determinado destinatário.

É mais comum o uso do spoofing nos e-mails, já que esse tipo de comunicação é mais vulnerável.

Através do spoofing de e-mails, o usuário mal intencionado pode conseguir senhas, dados pessoais, dados bancários, códigos de acesso, entre outras informações.

Ele também pode ser usado para burlar protocolos TCP/IP, fazendo com que a rede ou pessoa acredite que a fonte dos dados é confiável, quando na verdade não é.

 

Spoofing na Bolsa de Valores

Na Bolsa de Valores, o spoofing é a prática de manipular a alta ou a baixa dos preços de determinado ativo através do book de ofertas.

Um sistema automatizado coloca dezenas de ordens no book, influenciando os investidores a comprarem ou venderem e, consequentemente, o preço do ativo a subir ou descer.

Porém, milésimos de segundos antes de ocorrer de fato a venda ou compra, essas ordens são canceladas.

Como resultado disso, o ativo em questão sofre uma manipulação (prática ilegal).

Assim, esses operadores acabam se beneficiando, sem pensar nas consequências para quem está operando na legalidade.

 

E qual a finalidade do spoofing?

Como você já deve ter percebido, o spoofing na Bolsa de Valores é utilizado para se beneficiar do preço de um ativo.

Ao enviar diversas ordens de compra ou venda, o operador ilegal acaba influenciando outras pessoas a fazerem suas ofertas.

Digamos que uma empresa tem interesse em vender ações de uma marca. Então, ela cria algoritmos para colocarem ordens de compra neste ativo, fazendo o preço subir.

Enquanto operadores legítimos estão comprando, o fraudulento está prestes a remover as ordens de compra que havia colocado.

Então, ele consegue vender suas ações a um preço mais alto no fim do ciclo.

 

O que a CVM faz em relação ao spoofing no Brasil?

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) é a responsável por fiscalizar as operações no Brasil, incluindo aquelas onde ocorre o spoofing.

Em 2018, aplicou a multa de R$ 684 mil em um Trader muito conhecido no mercado por spoofing.

Sua empresa,  também foi condenada ao pagamento de R$ 1,7 milhão pela mesma prática.

Assim, o papel da CVM é identificar o spoofing e punir os responsáveis.

 

Como se prevenir contra o spoofing?

A melhor forma de se prevenir contra essa prática ilegal é prestando atenção no movimento do mercado.

Suspeite de qualquer ativo que começar a subir ou cair muito rapidamente, sem indícios concretos que levem a esse movimento.

Normalmente, quando um ativo sobe ou cai muito em pouco tempo, isso é influenciado por algum acontecimento envolvendo a empresa.

Um bom exemplo é quando alguma empresa faz uma campanha ou propaganda de marketing que tem repercussão nacional.

Consequentemente, as ações da empresa podem disparar ou despencar, dependendo da opinião técnica sobre o assunto.

Assim, só opere em ativos com muita oscilação em pouco tempo se você tiver a certeza de que essa oscilação é sustentada por um fato verídico, ou um movimento que pode ser explicado dentro da Bolsa.

 

Conclusão

Sempre existirão pessoas que tentarão se aproveitar de outras, não apenas na Bolsa de Valores, mas no mundo.

Porém, fique atento! A prática de spoofing é ilegal na Bolsa de Valores e pode render multas astronômicas aos praticantes.

Para se prevenir, observe bem o mercado e tente encontrar explicações para os movimentos bruscos que acontecem em pouco tempo.

Na dúvida, não faça nada. É melhor deixar de ganhar do que perder.

Se este artigo foi útil para você, compartilhe!

 

Posts Relacionados