Blog da Online Traders

7 Erros comuns que todo investidor deve evitar

Inscreva-se em nossa Newsletter

Deixe seu email e tenha acesso antes aos nossos conteúdos.

7 Erros comuns que todo investidor deve evitar

erros comuns que todo investidor deve evitar

Veja alguns erros comuns que todo investidor deve evitar, especialmente no início de sua jornada na bolsa de valores.

 

Investir é uma atividade prazerosa, uma vez que você se acostuma com as peculiaridades do mercado.

A sensação de conquista quando você acerta é estimulante, ao mesmo passo que saber lidar com as perdas é necessário.

Mas existem alguns erros que todo investidor deve evitar, sobretudo quando está começando.

Essas são 7 coisas que nós mesmos gostaríamos que soubéssemos antes de começar a investir na bolsa de valores. Então, preste atenção!

 

Os erros comuns que todo investidor deve evitar

1 – Investir tudo em ações de uma só vez

Esse é o primeiro erro comum que todo investidor deve evitar. Nunca é aconselhável investir todo o seu dinheiro de uma vez só, muito menos em ações.

Isso porque, caso essas ações sofram uma queda brusca de valor, você perderá muito do seu investimento.

Ainda mais se você investir em ações da mesma empresa, que é altamente arriscado. Ao invés disso, invista aos poucos e regularmente.

Para se proteger mais ainda, o melhor é diversificar seus investimentos. Assim, se um vai mal, o outro segura as pontas.

 

2 – Investir em algo que não compreende

Infelizmente, isso é uma situação muito recorrente na bolsa de valores.

Muitos investidores compram ativos que não conhecem, não entendem ou não se sentem confortáveis comprando.

Esse é mais um dos erros comuns que todo investidor deve evitar. Compre apenas o que você compreende!

Um bom investidor jamais colocará seu dinheiro em um ativo do qual não tenha compreensão.

Não é necessário conhecer absolutamente todos os detalhes, mas sim os principais aspectos de cada ativo.

Se for uma ação, busque saber mais sobre a empresa, seus produtos, serviços e posicionamento no mercado.

 

3 – Negligenciar taxas e custos

Toda operação feita na bolsa de valores possui custos que, muitas vezes, são negligenciados pelos investidores iniciantes.

O que acontece é que essas taxas e custos são cobrados por cada operação que você faz.

Diante da volatilidade do mercado, é comum que os iniciantes queiram aproveitar toda e qualquer oportunidade.

Assim, acabam comprando e vendendo com muito mais frequência. O problema é que as taxas cobradas em cada operação prejudicam muito o seu lucro.

A rentabilidade fica comprometida. Então, o melhor é analisar e planejar um curso a ser seguido, e de fato segui-lo, para evitar pagar muitas taxas.

 

4 – Confundir especulação com investimento

Investimento é uma coisa, especulação é outra, mas muita gente não sabe a diferença.

Investimento é comprar uma ação para se tornar sócio de uma empresa, e ganhar lucros com seus dividendos.

Isso também pode ser feito com outros tipos de ativos, como os fundos imobiliários.

Já especulação é a aposta no movimento de alta ou queda de um determinado ativo.

A especulação acontece muito no Day Trade, onde o investidor aposta na alta do dólar, por exemplo, e ganha dinheiro com isso.

Especular é comprar na intenção de vender mais caro, ou vice-versa.

 

5 – Comprar na alta e vender na baixa

Embora possa parecer óbvio para alguns, esse é um erro comum que todo investidor deve evitar.

O que acontece é que, seguindo recomendações de outras pessoas, o investidor cai na armadilha de fazer uma operação na hora errada.

E, muitas vezes, essas outras pessoas são completos leigos que viram uma notícia e acreditaram o suficiente para influenciar outros a fazer o mesmo.

Então, fica aqui um grande ALERTA: não compre ativos na alta, nem venda na baixa. Compre e venda ativos por fundamentos.

 

6 – Deixar as emoções controlarem a negociação

Este tópico tem muito a ver com o anterior e acontece todos os dias na bolsa de valores.

Como somos seres humanos, temos a tendência de deixar a euforia ou o pessimismo tomar conta de nossas emoções.

Mas, apesar disso, elas não podem, jamais, ditar nossas decisões nos investimentos.

Não é porque um boato sugeriu que um ativo deve cair nas próximas horas que você já vai começar a vender.

Observe, analise e entenda o funcionamento do mercado antes de tomar qualquer decisão.

Além disso, dependendo do ativo que você está operando e dos seus objetivos, você deve resistir, até mesmo na queda, aguardando o momento em que o ativo voltará a ganhar valor.

 

7 – Negligenciar a diversificação

Sim, vamos falar sobre isso novamente, pois é um dos principais erros comuns que todo investidor deve evitar.

Se você investir todo o seu capital no mesmo ativo e esse ativo perder valor, você perderá seu investimento inteiro.

Por isso, diversifique! O recomendado por especialistas é reservar, ao menos, 30% do seu capital para a renda fixa, e os outros 70% podem ser investidos onde você se sentir mais confortável.

A principal regra é: não coloque todo o seu investimento no mesmo lugar! Você nos agradecerá por ouvir esse conselho!

Se você gostou das dicas sobre os erros comuns que todo investidor deve evitar, compartilhe!

Posts Relacionados